Sobre Renato

Renato QuintinoComecei a cozinhar aos 16 anos, mas não imaginava que um dia seria uma profissão. Na casa dos vinte e poucos anos lia sobre gastronomia e vinhos, viajava para comer, criava cardápios e ia em busca dos melhores ingredientes.

Aos poucos depois de provar a minha cozinha meus amigos pediram aulas. Comecei em 1996 minha primeira turma de gastronomia e nunca mais parei. A prática diária como um professor que cria e não repete receitas me obrigou a estudar, viajar, criar e experimentar mais.
A experiência como Chef de restaurantes foi fundamental por conviver com fornecedores e conhecer seus produtos, com funcionários por liderar, ensinar e aprender com eles e principalmente com a pressão diária de criar cardápios, cozinhar e servir muitos pratos ao mesmo tempo.

Embora desse aulas nas cozinhas de meus restaurantes, a partir de 2005 voltei as origens, concentrando meu trabalho nas aulas de gastronomia e vinhos. Hoje ministro meus cursos no Espaço que leva meu nome, criado e montado para a celebração da alegria que é cozinhar e conviver.

Fui professor da ABS-MG(Associação Brasileira de Sommeliers)por 5 anos onde comecei como professor de harmonização e depois assumi cadeiras como as de enologia, vitivincultura e regiões (velho e novo mundo).

Sou também consultor em gastronomia criando cardápios, cartas de vinho e treinando equipes para restaurantes, lojas e empórios gourmets.Levo também grupos como guia de viagens em roteiros que crio para regiões do mundo onde a gastronomia é de primeira, os vinhos são excelentes e a paisagem é deslumbrante.

 

Escrevo semanalmente para o caderno de Turismo dos jornais Pampulha, O Tempo e Super Notícia a coluna “Sabores do Mundo” com dicas de gastronomia, vinhos, restaurantes e cultura gastronômica de diversos países do mundo. Escrevo também a coluna de gastronomia do Verdemar em Revista. Em outubro de 2013 lancei meu primeiro livro, “A Invasão dos Incas Venusianos – Receitas de Todos os Mundos” com 150 receitas de minha autoria